REFLEXO DO POST “Choque -13-

Empatia
Eu te quero
Não só minha
Com tudo ao redor
O meu, o dele, o dela
O de quem chora e treme
O de quem implora e geme
O de quem odeia e persiste
O de quem semeia sandice

Esperança
Eu quero mais vida
Uma diferente da outra
Para eu saber o que é viver
Não só como isso, ou aquilo
Mas como tudo que é impossível
Como o que nem sei descrever

Amor
Eu quero ser teu
Não importa o quanto eu espere
Nem como você se manifeste
Nem onde os obstáculos ferem
Amar, e ser amado, tudo suplantam, tudo valem

Resposta
Quero que seja mais pergunta
E que me faça ir mais fundo do que nunca
Que eu me conheça e me destrinche e me acredite
Que nada seja maior do que a minha curiosidade
Que tudo dependa da tua onipotente obscuridade

Que o mal não tem cara
E quem o bem não se condene
Que tudo flua como rio invisível
No fogo de hoje, na mágica da mente

Anúncios